close

Policial

Caminhão destrói parcialmente ‘Portal de entrada do município’

bc1d62be-bc68-467a-baa6-35ce67a3e379

Na noite desta quinta-feira (17) um caminhão de uma empresa terceirizada que presta serviço para uma Usina do município, colidiu no Portal ‘Binha Colombo’, deixando um grande estrago no local.

Felizmente nenhuma pessoa ficou ferida.

De acordo com informações iniciais a Usina já se prontificou em fazer os reparos necessários.

Para uma segurança maior dos motoristas que transitam pelo local, o local foi interditado e sinalizado, a fim de evitar novos acidentes.

Uma equipe da Prefeitura do município vai fazer a avaliação do local atingido e determinar a liberação ou não do Portal.

Esse foi o segundo acidente envolvendo caminhões canavieiros registrado nos últimos dois dias.

Poucos metros após o Portal um ‘Caminhão Bi-trem’ perdeu o controle e invadiu o canteiro central da via. Felizmente não houve feridos.

8eae0583-ea15-484d-bc3a-0e3e9b1f17d6

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Rapaz é preso acusado de posse de arma de fogo, porte de entorpecente e receptação

32457317_1677037145737411_5158800122485669888_n

ANDRADINA – Uma operação conjunta do Pelotão de Força Tática da Polícia Militar do 28º Batalhão da Polícia Militar/Interior (BPM/I), realizada na tarde de segunda-feira (14), prendeu o serviços gerais Johnny Luiz Bernardes de Souza, de 21 anos, residente na rua D. Pedro I, no bairro Pereira Jordão, acusado de posse de arma de fogo, porte de entorpecente e receptação. Na casa dele foram localizados dois revólveres municiados, uma porção de maconha. Um dos revólveres era produto de furto anteriormente. Encaminhado ao plantão policial, foi indiciado e recolhido à cadeia de Lavínia. As armas e a droga foram apreendidas pela Polícia Civil.

A prisão do acusado aconteceu durante patrulhamento de Força Tática composta por sargento PM Lucato, cabos PMs Andrade e Berti, receberam uma denuncia dando conta que um indivíduo de nome Jhonny, residente a rua Dom Pedro I, bairro Pereira Jordão estaria de posse de duas armas de fogo e que no período da noite investiria (trocaria tiros) contra desafetos dos bairros Benfica ou São João.

Com apoio de todas as equipes do Pelotão de Força Tática da PM, com tenente PM Mizugai, sargentos PMs Oliveira, Estigarribia, Aguilera e Lucato; cabos PMs Andrade, Coutinho, Magno, Lima Augusto, Jerônimo, Silvio, Berti e Dilleti e soldado PM Camargo, foi montada uma operação e deslocaram-se para o local e, em contato com Jhonny, foi dada ciência a ele da denuncia, perguntando ainda se havia algo de ilícito na residência.

Jhonny disse que havia somente um pedaço de entorpecente, apresentado a equipe. Tratava-se de uma pequena porção de maconha (Cannabis Sativa). Porém, foi notado muito nervosismo dele, o que despertou o interesse de vistoriar a residência citada.

Após completa e minuciosa busca domiciliar, foram localizados em um dos quartos da residência e dentro de um guardarroupas, dois revólveres sendo: um da marca Taurus calibre .38mm, com 06 munições intactas e numeração aparente e outro revólver da marca Smith & Wesson, calibre .32mm, com 04 munições intactas e numeração aparente. Porém, a PM descobriu que esse segundo revólver era produto de furto em data anterior, além de 09 munições calibre .38mm intactas, acondicionadas em um pequeno coldre.

Diante dos fatos foi dada voz de prisão em flagrante pelos crimes acima citados e foi conduzido ao plantão policial, onde foi ratificado o flagrante. Posteriormente Jhonny foi conduzido a cadeia pública de Lavínia onde permanecerá a disposição da justiça.

TRAGÉDIA EVITADA

Segundo informações, a Polícia Militar evitou uma possível tragédia que ocorreria na noite de segunda-feira (14), já que havia relatos que o rapaz preso com os dois revólveres em casa iria atentar contra rivais da cohab do bairro São João e do Benfica. Não se sabe porém se ele iria sozinho ou acompanhado de comparsas.

IRMÃO DE “BOIÃO”

Jhonny é irmão do indivíduo identificado por Jonas Luiz Bernardes de Souza, o “Boião”, de 19 anos, residente na rua Caramuru, preso no último dia 29/04, junto com um comparsa, acusados de tráfico de entorpecentes/associação ao tráfico.
“Boião” é acusado de, junto com a namorada, uma adolescente de 17 anos, recentemente apreendida, ter reiniciado a guerra de jovens de bairros rivais ao ir na madrugada do dia 08/04, atirado contra jovens do Jardim Europa.

Em revide, jovens do jardim Europa e cohab São João foram na noite do dia 09/04 e atiraram contra um rival identificado por Joel Felizardo Gomes dos Santos, de 24 anos. Ele foi ferido de raspão nas costas, porém um dos tiros acabou acertando o lado esquerdo do tórax do frentista Roberto Taveira, o “Paçoca”, de 46 anos, que nada tinha a ver com a briga, morrendo inocentemente.

Outras duas tentativas de homicídio aconteceram em desdobramento dessa guerra, porém, resultaram em vítimas leves. No total, 15 jovens dos bairros Pereira Jordão, Benfica, Jardim Europa e Vila Mineira acabaram presos, incluindo duas mulheres.

MIL NOTICIAS/Agência

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Programa “Saúde na escola” leva Bombeiros até alunos

bombeiro na escola (7)

CASTILHO – A Prefeita Fátima Nascimento prestigiou o programa “Saúde na Escola” realizado nesta quarta-feira, 09, nas escolas Dejanira Bozzo Jorge (Nova Iorque) e EMEI Paulo Sérgio. O destaque ficou por conta do Corpo de Bombeiros de Andradina, na pessoal do soldado Correa, que interagiu com os alunos e realizou o sonho de muitos pequeninos: ser bombeiro por um dia.

Para a Prefeita Fátima Nascimento esse empenho dos Bombeiros tem sido fundamental na parceira que envolve ao menos duas secretarias municipais. “Quero agradecer a disponibilidade desses profissionais que além de salvar a vida de muita gente tem um carinho especial com nossos alunos”, agradeceu Fátima.

O Programa é uma parceria das Secretarias Municipais de Educação e Saúde que visa levar informações preventivas da forma mais didática possível aos alunos. A ideia de convidar os bombeiros partiu da ESF da UBS Abílio, coordenado pela enfermeira Marcela Tavares. Em outras unidades escolares por onde a equipe de socorrista passou o sucesso entre os pequenos também foi grande.

bombeiro na escola (12)

Na escola Dejanira Bozzo, os alunos literalmente vivenciaram o papel de bombeiros e puderam até mesmo vestir as roupas que os policiais utilizam para combater focos de incêndio. Outro atrativo foi o caminhão da Corporação. Com bastante paciência e numa linguagem totalmente didática, o soldado Correa falou e explicou sobre cada compartimento do caminhão utilizado nas ocorrências do dia a dia. Os mesmos procedimento os foram repetidos na escola infantil Paulo Sérgio.

Para a secretária municipal de Saúde, Janini Nascimento, são aulas como essas que ficam marcadas na vida das crianças, sem contra o aprendizado que tiveram sobre as prevenções em casos de acidentes.

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Bombeira andradinense que combateu incêndio em SP conta como foi o socorro

Bombeira andradinense que combateu incêndio em SP conta como foi o socorro – FOTO03

Uma tragédia anunciada e, nos bastidores, um jogo de empurra-empurra de culpa entre os governos do Estado e Federal (típico de ano eleitoral) deixou de ser notícia apenas no Brasil, tornando-se o foco das atenções da imprensa mundial nos últimos três dias.

 

Em meio a tanta dor e sofrimento, o trabalho minucioso e competente do Corpo de Bombeiros chama a atenção e inspira o respeito de todos. O fato ocorreu em São Paulo, mas o que poucas pessoas da região sabem, é que entre estes heróis do Corpo de Bombeiros está uma andradinense que cumpre seu dever na capital paulista.

 

A Cabo PM Mayra Suzuki encaminhou um áudio à Rádio Independência FM e algumas fotos do local, contando o quê testemunhou durante a ocorrência de incêndio e desmoronamento no centro de São Paulo. Ela relata que estava de serviço quando, por volta de 1h30 da madrugada foram acionados para combater o incêndio.

 

“Quando estávamos a caminho do local nós já podíamos visualizar muita fumaça. Quando chegamos, o prédio já estava praticamente todo tomado pelas chamas”, contou Mayra. O trabalho de combate ao incêndio mobilizou guarnições do Corpo de Bombeiros de várias partes da capital que se deslocaram em apoio. “Imediatamente foi realizada a evacuação dos prédios vizinhos e seguidamente o combate ao incêndio”.

Bombeira andradinense que combateu incêndio em SP conta como foi o socorro - FOTO02

 

Segundo ela, o combate às chamas começou pela parte externa e uma hora e meia após a estrutura inteira entrou em colapso, desabando bruscamente. “A nossa preocupação inicial era de que alguns de nossos companheiros Bombeiros tivessem se ferido neste momento, porque estávamos muito próximos do prédio na hora do desabamento, mas graças a Deus, nenhum deles se feriu.”.

 

A etapa seguinte foi o combate ao prédio ao lado, que também se incendiou devido ao grande calor propagado do edifício que havia acabado de desmoronar. “Utilizamos então uma viatura que chamamos de auto-escada por possuir uma escada de aproximadamente 40 metros, que possibilita este trabalho em ambientes mais altos”.

 

Quando o incêndio maior foi extinguido, as equipes começaram a entrar no edifício para eliminar os possíveis pequenos focos que ainda tivessem por ali, acrescenta Mayra, que trabalhou desde os minutos iniciais da tragédia até mais ou menos 8h30 da manhã, quando houve o revezamento das equipes para evitar o desgaste físico e emocional. Os Bombeiros que assumiram a partir de então, iniciaram as buscas por possíveis vítimas da tragédia, finalizou Mayra.

Bombeira andradinense que combateu incêndio em SP conta como foi o socorro - FOTO01

ENTENDA O CASO – O Corpo de Bombeiros localizou no início da tarde desta sexta-feira (4) o corpo de um dos seis desaparecidos após o desabamento de um prédio há três dias no centro de São Paulo.

 

O edifício, que era uma antiga sede da Polícia Federal, estava ocupado de forma irregular por cerca de 150 famílias. Segundo relato dos moradores à imprensa desde o ocorrido, o incêndio começou por volta de 1h30 – a partir do 5º andar, e rapidamente se espalhou por todos os andares.

 

O fogo também atingiu prédios vizinhos, mas não há risco de desabamento. Porém uma igreja Luterana, vizinha ao edifício, teve grande parte destruída por conta do ocorrido.

Segundo o secretário de assistência social, 248 pessoas estavam no prédio no momento do incêndio. Ainda não se sabe exatamente quantas pessoas estão mortas ou feridas. Também não se sabe como o incêndio começou.

 

 

 

 

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Justiça marca audiência de acusado de matar jovem após carona por Whatsapp

jovem-desaparecida

Acusado de matar jovem após combinar carona por Whatsapp vai a julgamento: ‘Vamos lutar por 30 anos de pena’, diz advogado da vítima

Audiência será no dia 16 de maio, em Frutal (MG). Jovem foi morta em novembro do ano passado por Jonathan Pereira do Prado, a quem tinha dado carona para ir de Rio Preto (SP) e Itapagipe (MG).

ustiça marcou para o dia 16 de maio a audiência do acusado de matar a jovem Kelly Cadamuro, de 22 anos, após combinar com ela uma carona em um grupo de WhatsApp. O caso foi em novembro do ano passado, quando a jovem ia de São José do Rio Preto (SP), onde morava, para Itapagipe (MG), onde encontraria o namorado.

Kelly ofereceu carona em um grupo de Whatsapp e acabou combinando a viagem com Jonathan Pereira Prado. No caminho, segundo a investigação da polícia ele pediu a ela que encostasse o carro para poder urinar. Após a vítima parar o veículo, ele entrou em luta corporal com ela e a matou enforcada. Dias depois de ser preso, ele confessou à polícia que entrou no grupo já com a intenção de cometer o crime.

Além dele, foram presos também Wander Luís Cunha e Daniel Teodoro da Silva, acusados de comprar os pertences roubados da vítima.

A audiência será realizada em Frutal (MG), onde Jonathan está preso. Apesar de ser uma audiência de instrução, a sentença pode sair já neste dia.

“Nessa audiência serão ouvidos os réus, as testemunhas de defesa e de acusação. Mas o juiz pode julgar na própria audiência, já pode até sair a sentença, a não ser que ele peça alguns dias”, explica o advogado da família da Kelly, Jorge Argemiro de Souza Filho, em entrevista ao G1 nesta quinta-feira (3).conversa-kely

Do lado da defesa, serão ouvidos o namorado de Kelly na época do crime, Marco Antônio da Silva, um tio dela e o frentista de um posto de combustível onde Kelly e o suspeito pararam para abastecer antes do crime.

“Vamos lutar para a pena passar dos 30, 40 anos. Vamos ver também se terá alguma contradição entre eles, se surgir novos fatos para piorar a pena ou incluir novas pessoas”, afirma o advogado.
Jonathan Pereira Prado confessou crime (Foto: Foto: Samir Alouan/Rádio 97 FM/Pontal Online
Jonathan Pereira Prado confessou crime (Foto: Foto: Samir Alouan/Rádio 97 FM/Pontal Online

Fonte: G1

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Jovem troca limusine por viatura e é ‘escoltada’ por PMs em festa de 15 anos: ‘Realizaram o meu sonho’

camilly-regina-ferreira-lima

Fanática pela Polícia Militar, Camilly chegou à festa de debutante em um comboio de viaturas e entrou no salão acompanhada dos policiais em Jundiaí (SP).

A valsa é um dos momentos mais aguardados em uma festa de debutante. Mas, em vez de casais com roupas de gala, incluindo os “príncipes” de smoking, a adolescente Camilly Regina Ferreira Lima, de Jundiaí (SP), comemorou os 15 anos na presença de policiais militares da Força Tática.

Para que tudo saísse conforme o planejado, a jovem e a mãe foram até o 11º Batalhão de Jundiaí (SP) alguns dias antes da festa pedir a autorização do comandante para os policiais participarem do evento.

Ela oficializou o pedido por email e o comandante autorizou a presença de policiais que estavam de folga, em um procedimento que a polícia afirma ser padrão.

O sonho de chegar à festa em uma viatura da polícia foi realizado no fim de semana, em Jundiaí. A debutante entrou no salão acompanhada pelos policiais, surpreendendo os cerca de 160 convidados.

“Eu simplesmente amei! Eles realizaram o meu sonho, que era chegar de viatura na minha festa. Todo mundo gostou. Falaram que foi uma coisa diferente e bem emocionante”, conta.

camilly-regina-2

No dia da festa, realizada no Jardim Guanabara, Camilly dispensou a limusine e chegou ao salão em um comboio de viaturas da Força Tática, todas com as sirenes ligadas.

Em seguida, um dos policiais acompanhou a menina até a cerimônia e a entregou para o príncipe, que era o irmão de Camilly.

O 11° Batalhão de Jundiaí afirmou que os policiais estavam de folga e ficaram honrados com o convite. O batalhão informou, ainda, que as viaturas usadas na festa são carros reservas, que não estavam em uso.

A PM explicou que o pedido da jovem surgiu durante uma visita ao batalhão, quando ela conheceu as viaturas e contou sobre a vontade de ser policial.

A polícia afirmou que recebe convites para ir a vários eventos, como aniversários de crianças e palestras em escolas, mas que foi a primeira vez que os homens do 11º Batalhão foram chamados para uma festa de 15 anos.

Profissão: policial

Embora tenha acabado de completar 15 anos, Camilly já pensa no futuro e a carreira escolhida não poderia ser outra: quer ser policial. A jundiaiense tem uma prima que é da Guarda Civil Municipal e sempre admirou a profissão.

“No ano passado, nós tivemos um trabalho sobre profissões na escola e a mãe de uma colega minha, que também é GCM, falou um pouco sobre a profissão. Foi aí que eu me apaixonei mais ainda, só que sempre gostei mais da PM. Sem sombra de dúvida vou tentar ser mais uma militar.”

G1

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Pesca subaquática em área proibida gera R$ 800 em multa

956a00c2-3f22-4d1b-a608-13ad8bddc15d

O 2º Pelotão (de Castilho) da 1º Companhia do 2º Batalhão da Polícia Ambiental informou à imprensa nesta quinta-feira (26) que durante patrulhamento náutico pela jusante da UHE Jupiá, abordou um indivíduo praticando pesca subaquática em local proibido.

Com o flagrante, a equipe apreendeu seus equipamentos de pesca e um peixe nativo da espécie piapara perfurada de arpão que, devido o lapso temporal, foi destruída no aterro sanitário do município por estar imprópria ao consumo.

O pescador infrator que não teve seu nome divulgado foi autuado em R$ 800,00. Além disso, ele responderá à Justiça por crime ambiental.

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Polícia Civil de São Paulo abre concursos para 500 vagas de nível médio

papilo

São 200 vagas para papiloscopista e 300 para agente de telecomunicações, com salário de R$ 3.589,86.

Polícia Civil de São Paulo abriu dois novos concursos para o total de 500 vagas em cargos de nível médio.

São 200 vagas para papiloscopista e 300 para agente de telecomunicações, com salário de R$ 3.589,86.

Os candidatos devem ainda ter carteira nacional de habilitação no mínimo na categoria “B”.

O trabalho é em Regime Especial de Trabalho Policial, que se caracteriza pela prestação de serviços em condições precárias de segurança, cumprimento de horário irregular, sujeito a plantões noturnos e a chamadas a qualquer hora.

As inscrições devem ser feitas pelo site www.vunesp.com.br de 3 de maio a 1º de junho. A taxa é de R$ 56,54.

O concurso constará de prova preambular, com questões de múltipla escolha, e comprovação de idoneidade e conduta escorreita mediante investigação social.

A prova será aplicada nas regiões de Araçatuba, Bauru, Campinas, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo (capital e Grande São Paulo), Piracicaba e Sorocaba, com data prevista para o dia 1 de julho.

Entre as atividades do papiloscopista estão o estudo das impressões digitais na palma das mãos, dedos e na sola dos pés e coleta, análise, pesquisa e arquivamento de documentos.

O agente realiza tarefas de transmissão ou recepção de informações de qualquer natureza por fio, radio, eletricidade, meios óticos ou qualquer outro processo eletromagnético.

Polícia Civil de São Paulo

  • 500 vagas
  • Salário: R$ 3.589,86
  • Inscrições: de 3/05 a 1/06
  • Taxa: R$ 56,54
  • Prova: 01/07

Outros concursos oferecem 1,6 mil vagas

A Polícia Civil de SP tem outros dois concursos com inscrições abertas. Um para 1.400 vagas (800 para escrivão e 600 para investigador de polícia), cujas inscrições se encerram no dia 15 de maio, e outro para 250 vagas de delegado, cujo prazo vai até 2 de maio. Em ambos a Fundação Vunesp é a organizadora.

G1

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Entra em vigor pena maior para motorista bêbado que mata em acidente

72f42baede0392817dea56c27ad01e86

Entra em vigorar nesta quinta-feira (19) a Lei 13.546/2017, que ampliou as penas mínimas e máximas para o condutor de veículo automotor que provocar, sob efeito de álcool e outras drogas, acidentes de trânsito que resultarem em homicídio culposo (quanto não há a intenção de matar) ou lesão corporal grave ou gravíssima. A nova legislação, sancionada pelo presidente Michel Temer em dezembro do ano passado, modificou artigos e outros dispositivos do Código Brasileiro de Trânsito (Lei 9.503/1997).

Antes, a pena de prisão para o motorista que cometesse homicídio culposo no trânsito estando sob efeito de álcool ou outras drogas psicoativas variava de 2 a 5 anos. Com a mudança, a pena aumenta para entre 5 e 8 anos de prisão. Além disso, a lei também proíbe o motorista de obter permissão ou habilitação para dirigir veículo novamente. Já no caso de lesão corporal grave ou gravíssima, a pena de prisão, que variava de seis meses a 2 anos, agora foi ampliada para prisão de 2 a 5 anos, incluindo também a possibilidade de suspensão ou perda do direito de dirigir.

As alterações no Código Brasileiro de Trânsito (CBT) também incluem a tipificação como crime de trânsito a participação em corridas em vias públicas, os chamados rachas ou pegas. Para reforçar o cumprimento das penas, foi acrescentada à legislação um parágrafo que determina que “o juiz fixará a pena-base segundo as diretrizes previstas no Artigo 59 do Decreto-Lei 2.848, de 7 de dezembro de 1940 (Código Penal), dando especial atenção à culpabilidade do agente e às circunstâncias e consequências do crime”.

Para a professora Ingrid Neto, doutora em psicologia do trânsito e coordenadora de um laboratório que pesquisa o tema no Centro Universitário do Distrito Federal (UDF), uma legislação que endureça as penas para quem comete crimes de trânsito é importante para coibir a prática, mas não pode ser uma ação isolada. “Quando a gente fala em segurança do trânsito, estamos tratando desde as ações de engenharia e infraestrutura das vias, o trabalho de educação no trânsito [voltado à prevenção], e o que chamamos de esforço legal, que é justamente uma legislação dura, que as pessoas saibam que ela existe, mas combinada com um processo efetivo de fiscalização”, argumenta.

Para Ingrid, por mais dura que seja um legislação, ela não terá efeitos se não vier articulada com outras iniciativas complementares. “Na lei seca [que tornou infração gravíssima dirigir sob efeito de álcool] nós vimo isso. No começo, houve uma intensa campanha de educação e fiscalização, o que reduziu de forma significativa o índice de motoristas que bebe e insistem em dirigir, mas a partir do momento que a fiscalização foi reduzida, as pessoas se sentiram novamente desencorajadas a obedecer a lei”, acrescenta.

 

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

PF diz que Lula recebe os mesmos benefícios dos demais presos

BRAZIL-PT-LULA DA SILVA

A Polícia Federal (PF) informou hoje (11), por meio de nota, que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, réu da Lava Jato que cumpre pena na sede da PF no Paraná, não recebe “qualquer outro benefício que não se aplique aos demais custodiados que se encontram atualmente na unidade policial”.

A nota foi publicada em resposta a notícias de que Lula estaria recebendo tratamento privilegiado em comparação a outros presos.

Segundo a PF, o regime de visitas de advogados e familiares aplicado não sofreu qualquer alteração destinada a beneficiar o ex-presidente. Além disso, acrescenta a nota, o presidente não tem contato com “nenhuma pessoa ou mesmo servidor, à exceção daqueles envolvidos na sua segurança”.

“Todos os procedimentos adotados com relação ao ex-presidente são os mesmos aplicados aos demais custodiados, salvo exceções específicas autorizadas pelo Juízo da 12ª Vara Federal de Curitiba/PR, responsável pelos procedimentos de execução penal”, acrescenta a nota.

A pedido do juiz Sérgio Moro, Lula está sendo mantido em um espaço separado, tendo à sua disposição um aparelho de televisão.

Transferência

Mais cedo, em nota enviada à imprensa, o Sindicato dos Delegados de Polícia Federal do Estado do Paraná informou que enviou ofício à Superintendência da PF no estado pedindo a imediata transferência de Lula da sede da PF, em razão da “invasão” da região próxima ao prédio por “centenas de pessoas ligadas a movimentos sociais e outras facções”.

O sindicato argumenta que a grande movimentação no local tem provocado transtornos aos moradores da região e prejudicado atividades de trabalho dos policiais.

Agência Brasil

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...
1 2 3 18
Page 1 of 18