close

Mundo

Segundo o jornal New York Times, afirmação teria sido feita durante uma conferência com doadores de campanha

2016-11-09t170107z_895269469_ht1ecb91b8q5r_rtrmadp_3_usa-election-clinton

Hillary Clinton culpou o diretor do FBI, James B. Comey, pela sua derrota para o republicano Donaldo Trump na eleição americana. A democrata teria feito essa afirmação em uma conferência com doadores de sua campanha, segundo o jornal New York Times. Clinton aparecia nas vésperas da eleição com vantagem em praticamente todas as pesquisas ante  Trump, cuja vitória surpreendeu o mercado.

Na avaliação da democrata, a decisão do diretor de enviar uma carta ao Congresso pouco mais de 10 dias antes das eleições a prejudicou na reta final. “Há muitas razões pelas quais uma eleição como esta não foi muito bem sucedida”, teria falado Clinton, de acordo com um doador que participou da conferência. Mas ela teria acrescentado que “a carta de Comey acabou levantando dúvidas sem fundamentos e que impediram o impulso da campanha”.

http://veja.abril.com.br

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Objeto de metal misterioso cai do céu em Mianmar

aakbwmy-img

Um grande objeto de metal caiu do céu em uma área de mineração de jade no norte do Mianmar, segundo a imprensa oficial local. A peça cilíndrica foi encontrada nessa quinta-feira no vilarejo de Hpakank, no Estado de Kachin, tem 4,5 metros de comprimento e 1,2 metro de largura.

Outro pedaço de metal com inscrições em chinês caiu no telhado de uma casa nas proximidades, quase que ao mesmo tempo. Segundo a emissora BBC, o objeto atravessou o teto da casa, mas não deixou nenhum ferido.

De acordo com o jornal oficial do governo de Mianmar, o Global New Light, as autoridades locais acreditam que os objetos seriam parte de um satélite, avião ou míssil chinês. Na quarta-feira, um foguete que carregava um satélite experimental foi lançado da cidade de Jiuquan, localizada na China a 1.600 quilômetros de Hpakank. No entanto, Pequim ainda não confirmou se as peças de metal encontradas poderiam ser parte do satélite chinês.

Ko Maung Myo, morador do vilarejo, afirmou que ouviu uma grande explosão quando o objeto caiu do céu. “Inicialmente, pensamos que era uma batalha. A explosão fez nossas casas tremerem”, contou ao jornal Myanmar Times. “Eu andei até lá e vi que era parte de um motor”, acrescentou.

http://www.msn.com

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Donald Trump vence Hillary Clinton e é eleito presidente dos EUA

usa-election-trump_mike_segar_reuters-2

 

Republicano surpreendeu e contrariou pesquisas e previsões.
Agência Associated Press projetou vitória na manhã desta quarta (9).

 

Donald Trump será o 45º presidente dos Estados Unidos. Contrariando pesquisas e previsões, ele derrotou Hillary Clinton e teve sua vitória projetada pela agência Associated Press (AP) às 5h32 (hora de Brasília) desta quarta-feira (9).

Quando entrou o número de delegados do estado de Wisconsin na conta da AP, Trump alcançou 276 delegados, ultrapassando o limite de 270 necessários para ser o vencedor no Colégio Eleitoral. A imprensa americana informou minutos depois que Hillary ligou para o rival e admitiu a derrota. “Eu a cumprimentei pela campanha muito disputada”, disse Trump em seguida, em seu discurso da vitória.

Ao falar aos seus simpatizantes, Trump defendeu a união do país após a disputa eleitoral, ao afirmar que será presidente para “todos os americanos”.

“Todos os americanos terão a oportunidade de perceber seu potencial. Os homens e mulheres esquecidos de nosso país não serão mais esquecidos”, discursou. Trump disse ainda que o plano do país deve ser refeito. “Vamos sonhar com coisas para nosso país, coisas bonitas e de sucesso novamente.”

Globo.Com

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Jovem trans é morta na Rússia após pedido do pai: ‘Podem matar’

aajkcyh-img

Uma jovem trans muçulmana foi morta na Rússia dias após ver seu pai ir a uma emissora de TV para pedir: “Tragam meu filho aqui e matem-no na minha frente”. As informações são do Daily Mail.

Raina, de 25 anos, passou por uma cirurgia de mudança de sexo, em Moscou, há um mês. Poucos dias depois se casou com um rapaz também de origem muçulmana.

O crime ocorreu após o pai da jovem, Alimshaikh Aliev, descobrir os planos de Raina. Então, em uma entrevista a uma emissora local, apelou: “Podem matá-lo, eu não quero vê-lo”.

Raina era oriunda do Daguestão, região de forte ascendência islâmica localizada entre o Mar Cáspio e a Chechênia, na Rússia.

Segundo uma emissora de TV russa, Raina era discriminada por sua orientação sexual e passou a receber ameaças após a cirurgia para mudança de sexo.

A polícia de Moscou investiga o caso, mas ainda não identificou nenhum suspeito pelo crime.

msn.com

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Adolescente morre baleada durante distribuição de alimentos no Haiti

aiti

Uma adolescente morreu e outras três pessoas ficaram feridas na tarde desta terça-feira em Dame-Marie, uma pequena cidade do sudoeste do Haiti, quando capacetes azuis brasileiros distribuíam ajuda humanitária destinada às vítimas do furacão Matthew, anunciou a ONU.

Um navio colombiano descarregava no porto de Dame-Marie, 220 km a oeste de Porto Príncipe, quando uma multidão avançou sobre o cais.

“Os capacetes azuis brasileiros, que apoiavam a Polícia Nacional haitiana, dispararam balas de borracha e bombas de gás lacrimogêneo”, disse à AFP Mourad Whaba, coordenador humanitário da Missão da ONU no Haiti (Minustah).

Já a Polícia Nacional (PNH) utilizou munição real contra a multidão, que protestava contra a demora na entrega da ajuda humanitária, três semanas após a passagem de Matthew pelo sul do Haiti.

Uma adolescente morreu ao ser baleada no tórax e outras três pessoas ficaram feridas por disparos, informou Mourad Whaba, acrescentando que o incidente é investigado pela ONU.

istoe.com.br

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Parlamento da Venezuela aprova abertura de julgamento de Maduro

maduro1-620×400

A Assembleia Nacional venezuelana, com maioria da oposição ao governo, aprovou nesta terça-feira (25) a abertura de um julgamento sobre a responsabilidade política do Nicolás Maduro. A oposição acusa Maduro de quebrar a ordem constitucional e promover um golpe de Estado com a suspensão do processo de convocação de um referendo revogatório.

Foi acordado “que a comissão prepare o início do estudo de responsabilidade penal, política e abandono de cargo”, afirma a resolução aprovada após debate sobre a “situação constitucional da presidência”.

O presidente da Assembleia, o opositor Henry Ramos Allup, explicou que o Parlamento tem o poder para julgar as responsabilidades políticas do presidente após uma avaliação prévia, mas não de promover um julgamento que leve à destituição do chefe de Estado, o que seria competência do poder judiciário.

“Se o resultado dessa avaliação política indicar o abandono de cargo ou algum indício de que o presidente incorreu em responsabilidades civis, penais ou administrativas, a câmara pode solicitar perfeitamente ante os organismos correspondentes o julgamento e a sentença que correspondem”, acrescentou.

A Assembleia Nacional ordenou que Maduro compareça à sessão da próxima terça-feira, o que provavelmente será recusado pelo presidente, de acordo com a Reuters.

O chefe da bancada opositora, Júlio Borges, disse que a presença do mandatário foi exigida para que ele responda aos argumentos e acusações apresentadas contra ele e para que “com o respaldo do povo venezuelano, demonstre que se submete à Constituição e ao Parlamento”.

“Nós vamos mostrar claramente para a Venezuela e para o mundo que nesta crise a responsabilidade por violar a Constituição é claramente de Nicolás Maduro”, Borges.

Assembleia ‘ilegítima’

É improvável que um julgamento contra Maduro ganhe força, observa a Reuters, já que o governo e a Suprema Corte declararam o Congresso ilegítimo.

“Legalmente, a Assembleia Nacional não existe”, disse nesta terça o vice-presidente Aristobulo Isturiz, referindo-se às decisões da Suprema Corte de que as medidas do Congresso são nulas e inválidas até que remova três parlamentares acusados de compra de votos.

Tensão política

A Venezuela vive um momento de alta tensão política após a suspensão, pelo poder eleitoral, do processo liderado pela opositora Mesa da Unidade Democrática (MUD) para submeter Maduro a um referendo revogatório de seu mandato, que termina em 2019. Manifestações chamadas pela oposição de “A Tomada da Venezuela” estão programadas em todo o país para a próxima quarta-feira.

A partir da decisão do poder eleitoral, o Parlamento aprovou no domingo uma resolução que considera o freio ao referendo o auge de um “golpe de Estado” do governo. Na sessão, que foi interrompida por manifestantes pró-governo, os parlamentares também anunciaram que formalizarão uma denúncia no Tribunal Penal Internacional (TPI) contra os juízes regionais e os reitores do Conselho Nacional Eleitoral, classificados como “responsáveis” da suspensão do processo de referendo para tirar Maduro do poder.

Maduro chegou à Venezuela nesta terça após uma viagem por países produtores de petróleo no Oriente Médio que teve por objetivo impulsionar um acordo para estabilizar os mercados de petróleo. Após a visita aos países do Oriente Médio, Maduro passou nesta segunda pelo Vaticano, onde foi recebido pelo Papa Francisco, que instou “ao diálogo sincero e construtivo” entre o governo de Maduro e a oposição.

“Eu trago a benção do mundo para a Venezuela”, afirmou ele numa cerimônia no aeroporto. “No mundo, eles admiram a nossa batalha pela verdade, dignidade e independência.”

 

G1

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Crocodilo leva susto após lagarto atrevido saltar sobre ele

crocodilo-susto

Um crocodilo levou um susto depois que um lagarto atrevido saltou sobre ele em Sambas, na Indonésia. A cena curiosa foi registrada pelo fotógrafo Hendy Mp. Segundo ele, o crocodilo estava descansando no sol, quando o lagarto surgiu e saltou nas costas do rival.

Assustado, o predador reagiu e quase atingiu o lagarto com sua poderosa mandíbula.

Por G1

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...

Australiano flagra lagarto de 1,5 m escalando parede de sua casa

lagarto2

O australiano Eric Holland flagrou um lagarto de 1,5 metro de comprimento escalando a parede de sua casa em Thurgoona, no estado da Nova Gales do Sul, na Austrália.

Na Austrália, esse tipo de lagarto-monitor é conhecido como goanna. A espécie é frequentemente encontrada no leste da Austrália, mas geralmente vive no mato.

Um porta-voz do departamento de vida selvagem do estado disse que esse lagarto pode alcançar até dois metros de comprimento e pesar até 20 kg.

A foto do animal foi publicada no Facebook e foi compartilhada milhares de vezes.

Por G1

Compartilhe no Whatsapp !
saiba mais...
1 2 3 4
Page 4 of 4