close

Fátima se despede dos médicos cubanos num coquetel repleto de emoções

IMG_4074

Muitas lágrimas e agradecimentos, mas também aquela sensação prazerosa de “dever cumprido”. Este foi o clima da despedida oficial oferecida pela prefeita Fátima Nascimento (DEM) aos médicos cubanos que prestaram serviços a Castilho através do programa Mais Médicos.

O coquetel oferecido pela Chefe do Executivo em seu gabinete, reuniu os homenageados, os secretários municipais de Saúde e Educação, vereadores, assessores, o professor Leles (Três Lagoas) e a Miss Mato Grosso do Sul, a imprensa regional e principalmente funcionários da Saúde que atuaram ao lado destes profissionais estrangeiros ao longo dos últimos anos.

Cada médico recebeu uma lembrança do Município, além de mimos entregues por companheiros de trabalho e muitas honrarias. A prefeita Fátima disse não ter palavras para expressar a imensa gratidão de todos os castilhenses pelos serviços prestados com tanta seriedade, dedicação e amor. “A decisão do Governo Cubano nos pegou de surpresa e entristeceu cada um de nós. É impossível calcular os benefícios que vocês levaram aos cidadãos dos quatro cantos de nosso município, sempre com atenção, carinho e competência. Seremos eternamente gratos a vocês e esperamos que se houver a oportunidade de retornarem ao nosso país, se lembrem que estaremos aqui de portas abertas para recebê-los novamente com a maior satisfação”, disse.

Um a um, os médicos se despediram de Castilho, todos elogiando a hospitalidade e desejando que os trabalhos desenvolvidos por eles ao longo de sua permanência no município tenham continuidade. Todos afirmaram que, havendo a possibilidade de retorno ao país para continuar no Programa mantido pelo Governo Federal, escolherão Castilho para atuar, pois já se consideram membros de nossa comunidade e cidadãos do município.

Entre lágrimas, Dra. Dunia – que chegou a Castilho em 2016, pediu encarecidamente que seu sucessor mantenha o atendimento humanizado, sempre com carinho e respeito aos pacientes. Igualmente emocionado, Dr. Pedro disse estar deixando não apenas o Brasil para trás, mas também uma família que o acolheu com muito amor. “Todos queremos e precisamos de dinheiro para viver e realizar nossos sonhos, mas para o profissional de Saúde, o rendimento nunca deveria ser mais importante do que o amor que sente por seus pacientes. Espero do fundo do meu coração que meus clientes continuem sendo tratados com este respeito e dedicação, pois me importo e já sinto falta de cada um deles”, disse o médico que está há mais tempo em Castilho (desde 2014) dentre o grupo que inclui ainda as doutoras Naiffi, Elizabeth e Dr. Maiquel (2017).

Um dos momentos mais emocionantes da despedida, foi o abraço de Pedro em Dona Tereza, uma castilhense que dedicou a todos os cubanos que passaram por Castilho o amor que geralmente só se encontra em uma mãe. “Estou deixando um pedaço de mim aqui em Castilho, minha mãe e amiga”, disse o médico.

Os profissionais cubanos deixarão Castilho neste domingo (25). Até que o Governo Federal envie os substitutos para o Programa Mais Médicos, a Secretaria de Saúde de Castilho reorganizará seu quadro de profissionais para manter o trabalho que eles vinham realizando nas UBSs Laranjeiras e Alípio, e na imensa área rural castilhense juntamente com os enfermeiros Alceu, Lara e Ariana.thumbnail_IMG_4069 thumbnail_IMG_4103

Compartilhe no Whatsapp !
Tags : Destaque